Estava limpando meu celular e deletando algumas coisas que já postei como conteúdos e tal, e aí eu achei uma imagem que me remeteu a um dia muito louco e resolvi vir aqui contar para vocês.

No mês passado fomos num aniversario de uma amiga, que já gravamos conteúdo com ela, mas a gente nunca tinha ido numa balada com ela. Clima de festa e noite, aquele frisson, observei que estava rolando um clima entre ela e meu marido, resolvi que a gente poderia ter uma festinha a três.

Já ficou tudo mais ou menos resolvido continuamos curtindo e no final da festa me certifiquei e perguntei para ela: “Amiga vamos dar uma volta depois?”. E ela falou: vamos, mas estou com uma amiga. Posso levar ela? Respondi que que por mim tudo bem.

Gente, eu não sei o que vocês imaginam quando fazemos festinha em motel, (risos) não é uma suruba louca, onde fica todo mundo transando com todo mundo. Às vezes a gente fica lá mais a vontade, tem a liberdade de fazer uma coisa ou não, então assim a gente pega uma suíte grande com mais camas, muitos ambientes, pois nem todo mundo que está na suíte quer transar, onde às vezes a pessoa está com vontade de estar apenas com seus amigos que são liberais.

Eu tenho que contar para vocês que também estávamos com um casal de amigos na balada, mas eles estavam meio perdidos, por isso a gente resolveu de irmos todos para o motel, ai eu me adiantei falando que já ia para o motel para conseguir uma suíte boa.

Peguei o casal de amigos, fui para o motel e fomos enchendo a banheira, nos arrumando, tomei uma duchinha e já fiquei naquela expectativa para a chegada do resto do pessoal …e o pessoal não chegava e não chegava. Eu disse: “Putz será que aconteceu alguma coisa” e fui olhar meu telefone, onde vi uma mensagem que a amiga da minha amiga tinha passado mal e eles decidiram que não tinha como ir. Bom, o meu já estava garantido, (risos) pois o Sr. Smith é o melhor sexo da minha vida, se dar tudo errado eu tenho ele para me satisfazer.

E no fim esse casal que estava com a gente era um casal que a gente já tinha ficado e começou naturalmente a rolar um clima entre nós quatro ali. No meio da noite, tenho para contar para vocês que o marido olhou para mim e disse que tinha um fetiche não realizado e eu disse para ele me contar, foi aí que ele revelou que tinha muita vontade de fazer uma DP, logo respondi que toparia. A minha amiga disse: “Como assim tu topas se o c* é meu”, e caímos na risada ali mesmo e no fim os meninos toparam e foi uma loucura.

A gente estava transando bastante, onde a gente tinha aproveitado bastante com muita gente belíssima, mas esse momento foi muito especial e registrei tudo, onde está dentro do “Proibidão”, o meu close, mas só um pedacinho, pois eles não são um casal que cria conteúdo. Foi muito excitante, os dois penetrando ela que estava com uma cara de prazer e dor ao mesmo tempo. Os cavalheiros sempre animados, pois os homens têm mais essa coisa de animal e acaba entrando no clima mais rápido, mas estava numa atmosfera diferente naquele momento, onde o casal estava se realizando junto. Eu tenho aqui algumas coisas guardadas dos dois e foi um prazer estar ali com eles vivenciando este momento.

Espero que vocês tenham gostado. Até a próxima!

error: O conteúdo está protegido